.comment-link {margin-left:.6em;}

8.12.06

"As árvores também se abatem"

«Ceras - Foi abatido a árvore de maior porte da região

O centenário eucalipto de Ceras, a árvore de maior porte desta espécie que se conhece na região e de que tanto se escreveu, o qual foi motivo das mais variadas reclamações junto das instâncias oficiais, por falta de limpeza e da queda permanente de ramos secos ou que rachavam pelo peso, depois de uma limpeza efectuada e sem que ninguém previsse ou o Instituto de Estradas de Portugal informasse foi “selvaticamente” abatido, ou seja cortado pelo pé, quando a limpeza feita seria suficiente para manter a árvore em pé e em segurança. Esta árvore tinha um diâmetro de mais de 3 metros.
Sem avisar a Junta de Freguesia, passou-se do 8 para o oitenta, ou seja primeiro deixa-se a árvores sem manutenção ou limpeza e depois aplica-se medidas radicais, sem darem as devidas justificações se a mesma estava doente, podre ou a ameaçar queda. Ainda há dias a Quercus me alertava que a poda dos plátanos tinha sido exagerada e feita por gente sem qualificações técnicas e que caso a Estradas de Portugal tivesse igual procedimento com o eucalipto deveria autarquia alertar e a população opor-se mas, infelizmente cortar uma árvore é rápido e depois da casa roubada trancas à porta.(...)»

Ver foto da árvore e ler continuação do texto no tomaronline (29-11-200)

Ler notícia:
Direcção de Estradas abate eucalipto centenário em Tomar no Mirante
«Era o ex-libris da aldeia de Ceras, concelho de Tomar. Na quarta-feira, 29 de Novembro, o eucalipto de grandes dimensões que existia junto à estrada nacional 110 foi mandado abaixo, cortado pela raiz por uma empresa contratada pela Direcção de Estradas de Santarém (DES). »
no JN- Criticado abate de eucalipto centenário

Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?


referer referrer referers referrers http_referer